Sonhos de Lininha

Hoje eu tive um pesadelo angustiante e eu preciso desabafar! XP

Tinha um pessoal, passando uns dias nuns chalés sei lá onde… e alguém do grupo desaparecia.  A gente tinha q ir atrás do cidadão pra salva-lo.

Em meio a esse clima angustiante de busca, perseguição e perigos… eu tinha um problema.

Eu começava a tirar criaturas horríveis pelo umbigo!

Eu espremia meu umbigo, e saía um bixo branco, com vários tentáculos (parecia um polvo albino e pequeno). Eu ficava apavorada, e quando espremia mais, saía outro, ainda maior, q eu pegava com uma pinça! Só que ele morria do lado de fora, e ficava parecendo uma luva branca. Aí, qnd eu ia mostrar pro meu pai, ele não acreditava q aquilo era um bixo e que tinha saído de mim!!

Acordei tão angustiada! Fiquei olhando meu umbigo pra ver se ele tinha um buraco! XP

Isso me lembra um pesadelo q eu tive uma vez, que eu salvava um filhotinho de cachorro de se afogar e ele ficava vomitando minhocas com sangue! Deu tanta pena!

Mas esse problema no meu umbigo…….

Senta que lá vem a história

Contar a vocês uma história da galera que tava de carro, de noite, sendo que um dos passageiros do banco de trás estava sem óculos. O motorista estava muito doido, tinha acabado de tomar uma groselha de caldo-de-cana com adoçante e muito álcool com cerveja e meteu o pé no acelerador em plena BR-536. Vuuuummmm! Até que se depararam com um cavalo como esse:

black_horse

Adimes, o motorista, decidiu ignorar a presença do cavalo negro e acelerou mais ainda, no seu carro importado. Poucos segundos depois ocorreu o impacto! Todas as pessoas do carro morreram como bodes. Jaziel, o passageiro do banco da frente morreu porque Adelaide que estava sentada atrás dele, estava sem cinto de segurança, e disparou-se na direção da cabeça de Jaziel com o peso total de 580 KG, pois Adelaide sofria de Obesidade Mórbida auto-contida e era infeliz e triste. Certo dia, Adelaide esmagou o primeiro poodlezinho de sua vida, o falecido Bingo.   Enfim, enquanto todos estavam mortos e as ferragens do carro foram parar longe – bem como as latinhas de cerveja que Arquimedes, o maldito que estava sem os óculos, portava atrás do carro e incentivou todos presentes a beber… até mesmo Adelaide, que sofria de úlcera tomou cerveja nesse dia –   o  cavalo negro estava intacto. Afinal ele era composto de ferro puro e era misteriosamente indestrutível.

O falecido Bingo...
O falecido Bingo...

Moral da história: use o cinto de segurança, mesmo se estiver no banco de trás, seu filho da puta (fdp só se não usar), mesmo achando que seu amiguinho da frente “se garante”  acidentes podem acontecer. Não é a toa que o nome é A-CI-DEN-TE.

Os óculos e o cavalo

Esse post vai em homenagem a uma amiga querida e tem como objetivo passar uma lição muito importante: Vocês, caros amigos, que precisam de óculos, USE-OS! Especialmente para dirigir!

Baseado em fatos reais:

Observação: Para preservar a identidade dos envolvidos, os presonagens tiveram seus nomes trocados!

Um belo dia em que amigos se encontraram pela noite, ao retornarem para suas casas, CLARA, uma descedente de chineses muito gente boa, deu uma carona a sua amiga ALICE e seu amigo EDVARDI!

Alice observou que sua amiga Clara não estava usando seus óculos, inclusive, já tinha rolado algum comentário referente a isso ao longo da noite.

No caminho para casa, duas pontes precisam ser atravessadas. Em um determinado trecho, na descida de uma delas, estava muito escuro. O trecho tinha tres faixas, e um amiguinho como esse ai abaixo ocupava uma faixa inteira e mais um pedacinho da segunda.

O cavalo preto!
O cavalo preto!

Clara, q ia em direção ao pobre bixinho, prontamente desviou para a faixa do canto, que estava totalmente livre.

Alice, impressionada com a situação então comenta:

– Caramba… como eh q aquele cavalo foi parar no meio da pista?

E Clara responde, prontamente:

– Que cavalo?

Moral da história: Meus queridos ceguetinhas… USEM SEUS ÓCULOS PARA DIRIGIR!!!!

Não sei se era alguém do carro ou se era o próprio cavalo, mas alguém ali tinha um anjo da guarda muito forte!! XP

Hoje em dia, Edivardi conta essa historia a todos os taxistas que passam com ele pelo local e eu criei ese post para ajudar a disseminar essa lição tão importante. Usem seus óculos!

Obrigada!